Abate de Nelore

Abate de Nelore

Hoje foi o segundo abate de um produtor de Nelore que seleciona seus animais por ultrassonografia, com objetivos de carne marmorizada. Primeiro abate, rendimento de carcaça próximo de 56%. Abate de hoje rendimento de carcaça de 53,5%. Imaginei que ele iria reclamar do rendimento, já que 99,9% dos pecuarista reclamam, mas ele falou que o rendimento foi bom, porque esse lote tinha na média 15 cm2 menor AOL que o primeiro lote.

Lembrei de uma revista dos criadores de 1950 e pouco que eu li a alguns meses que tinha um texto que dizia que a pecuária tinha 2 problemas: Preço baixos e baixos rendimentos de carcaça.
O que mudou no discurso do pecuarista 60 e poucos anos depois?

Segundo a DGT, que participou do abate, “hoje o pecuarista manda os animais no peso e acha que por serem equivalentes tem que render igual. Só para deixar todo mundo assustado, o Lote de 56% de Rendimento foi abatido mais leve porém com Musculosidade incrível. O Lote de 53.5% embora tenha sido abatido com mais peso que o outro, só acumulou gordura de acabamento pois o crescimento era menor”.

Parabéns DGT e Nelson Bertiplaglia Jr

Compartilhe agora!